Dicas de Abril de 2013

  • O puro encanto do Ristorante Canto

    Dica do Boris

    Artigos » Cotia, SP, Brasil

    Muitas vezes meus amigos acham meio esquisito eu querer enfrentar o quase inevitável congestionamento da saída de São Paulo para, após alguns quilômetros de estrada, nem sempre muito fluidos, chegar num lugar só para comer! E depois ter que voltar tudo!!!

    Por outro lado, talvez valesse à pena ponderar que numa cidade como São Paulo, com tamanha variedade de ofertas gastronômicas, só o fato de alguém se dispor a sair da cidade para um almoço ou um jantar já é um indicador de qualidade. Este é sem dúvida o caso do Canto.

    O lugar é um charme.

    Logo na entrada está o bar onde funciona um karaokê.

    Separado por uma porta, mantida sempre fechada para conservar o ambiente tranqüilo e intimista, o restaurante. São quatro ambientes. Dois internos com lareira, um terraço que o pessoal da reserva costuma chamar de intermediário e uma pérgola. O difícil é escolher onde ficar. Todos os detalhes são caprichados e de muito bom gosto. A louça uma fofura. O serviço extremamente cordial e eficiente. E a comida… Ah! a comida.

    Logo de cara, o couvert. Será que vai dar para comer alguma coisa mais depois dessa profusão de pães, patês e saladinhas? Não contei, mas acho que eram umas 10 travessinhas. Tudo delicioso. O patê de fígado… de azeitonas… de ovos… a saladinha de berinjela… hummm.

    A seguir os pratos. A cozinha mediterrânea, com massas e peixes agradará aos mais diversos paladares. Já para os amantes de carne, os grelhados são a pedida. Servidos suculentos e acompanhados de molhos especiais mostram que foram preparados por quem conhece. Todos os acompanhamentos são interessantes, mas recomendo veementemente o coração de pupunha assado com molho de alcaparras.

    Reserve um pequeno espaço para a sobremesa. Em cardápio separado, são todas de dar água na boca. Por exemplo, que tal terminar seu jantar degustando uma torta quente de amêndoas com calda de pistaches?
    Sentado perto da lareira ou se deliciando com o canto dos pássaros em meio à vegetação que cerca a pérgola, você se sentirá numa autentica vila italiana a menos de meia hora de São Paulo.

    Tel: (11) 4702 4183
    Rua Prof. Ana Nastari Brunetti 26 - Granja Viana
    Cotia
    www.ristoranteecanto.com.br

    0 comentários

     
     
  •  
  • Rancho 53

    Dica do Boris

    Artigos » Araçariguama, SP, Brasil

    Onde estou?

    Quinta feira foi aniversário do Zeca. Um amigão meu. Apesar dele morar em São Roque decidi passar por lá para um abraço depois do expediente. Atrasei-me. Mais um telefonema, outro relatório, um pouco de correspondência… Quando dei por mim já eram sete e meia. Desci.

    Meu escritório fica na Av. Paulista. Então precisei enfrentar o delicioso transito de São Paulo e finalmente, lá pelas oito e meia estava no comecinho da Castelo Branco. Meia hora depois, lembrei que não tinha nem almoçado. Que tal jantar? Parei na primeira entrada. Chamava-se Rancho 53.

    Entrei. Impossível não ser atraído pela musica. Vinha de uma sala ao fundo, à direita. Lá, acompanhada por guitarras portuguesas, uma simpática senhora encantava os presentes com os acordes do belo fado “Nem as paredes confesso”. Quis ficar. O garçom logo veio e me explicou que para as noites de fado que só aconteciam às quitas feiras, era necessário fazer uma reserva, mas, como eu estava sozinho, ele me arrumaria uma mesinha perto da porta. Sentei. No cardápio, uma infinidade de pratos portugueses, quase todos a base de bacalhau. Difícil escolher. Optei pelo bacalhau à Narciso acompanhado de uma taça de vinho. Pouco depois a cantora anunciou uma pausa. As luzes acenderam e notei que a sala estava lotada.

    Resolvi explorar o local enquanto meu prato estava sendo preparado.

    No salão principal, um enorme balcão expunha uma série de iguarias como lascas e bolinhos de bacalhau, além de uma infinidade de doces. Pasteis de Belém, Toucinhos do Céu, Pasteis de Nata, Pasteis de Santa Clara, Tartinhas de Amêndoas, Travesseiros de Sintra e mais outros tantos dos quais não sei o nome, estavam ali, prontos para dar água na boca a qualquer passante. Do outro lado, em meio a várias mesas também lotadas provavelmente por clientes que, como eu, não tinham reserva, estavam à venda uma variedade de peças de cerâmica portuguesa. Ao fundo, uma mercearia. Para onde olhar? Vinhos portugueses, queijos da Serra da Estrela, azeites de oliva, alheiras, enfim um pedacinho da terrinha.

    Voltei para o anexo. Na mesa uma taça de vinho. Dei um gole. Delicia! A guitarra novamente soltou os seus acordes e ao som de “Uma casa portuguesa” experimentei as primeiras garfadas do meu bacalhau. Macio, bem temperado, delicioso. Recostei na cadeira, dei mais um gole no vinho. Suspirei e me permiti a pergunta: Onde estou? Brasil? Portugal? Tanto faz.

    A verdade é que eu estava numa “casa portuguesa com certeza, com certeza uma casa portuguesa”!

    Tel: (11) 4136-1381
    Rodovia Castelo Branco, KM 53
    Araçariguama
    www.rancho53.com.br

    0 comentários

     
     
  •